Seguidores

terça-feira, 10 de julho de 2012

Cuidar-se ou Deirxar-se cuida

Hoje mexendo em alguns de meus arquivos encontrei esta imagem, e ao vê-la me lembrei de um momento especial no curso de arteterapia.

Em uma das disciplinas que cursei, o professor na época, sugeriu que apresentássemos um trabalho em grupo e cada um deste deveria falar sobre alguns dos arquétipos que já haviamos estudado, meu grupo ficou com o tema "Máscaras". 

Ao realizarmos nossas pesquisas individuais, várias coisas me chamaram a atenção, textos, frases, imagens,etc, e pensando numa forma de deixar algo para nossa turma de arteterapia, encontrei esta bela imagem que expressa exatamente aquilo que acredito que o arteterapeuta deva trazer consigo. 


Tanto a imagem, como a frase, são simples e de grande significado. Não basta apenas ser mais um, é preciso ser sensível, é preciso ser um cuidador, e isso nem sempre é uma tarefa fácil. Como cuidar se não se saber cuidar-se? Quantas implicações, não somente ao arteterapeuta, mas também ao ser humano em si.

Nessa busca incessante do outro, nos esquecemos muitas vezes de nós mesmo. Ah!!! Quanta procura em vão...

Quando me lembro das palavras de Shinyashiki - 

"Faça o que sua alma pede.
Viva sua verdade.
Não tenha vergonha de ser quem você verdadeiramente é (p.139)."


- penso que sou parte importante de mim, e é isso o que me torna um ser diferente.



Fonte:

- SHINYASHIKI, Roberto. Heróis de Verdade: Pessoas comuns que vivem sua essência. São Paulo: Editora Gente, 2005. 

obs.: imagem retirada da internet nov\09.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...